domingo, 15 de maio de 2011

Sou uma garota...


Sim, eu sou uma garota que ama assitir jogo de futebol. Principalmente na hora de xingar o juiz e zuar o adversário. Que gosta de beber cerveja, jogar truco e sinuca. Sou uma garota que não gosta de coisas rosas e não tem paciência para discutir se meu cabelo está ressecado ou com pontas duplas. Eu sou uma garota que não acredita em romantismo, que não espera o principe encantado e que não suporta a melação dos casais apaixonados de novela.
Sim, posso parecer mais macho que muito homem, mas não se engane: eu sou uma garota. Sou uma garota que gosta de conhecer de tudo um pouco e enxegar a beleza de tudo e de todos. Que ama admirar o céu, a lua e as estrelas e se sentir insignificamente pequena perto deles. Sou uma garota vaidosa por gostar de me arrumar e me sentir desejada, mas que odeia parecer uma garota perfeita. Eu gosto é da baleza da imperfeição, da singularidade e da sinceridade de ser o que se é.
Sou uma garota que gosta de homens. Que possui sensualidade suficiente para os momentos que me são convenientes. Uma garota que as vezes parece frágil e carente, mas que deseja ser forte e independente. Eu sou uma garota se transformando em mulher.

Um comentário:

Pam disse...

Adorei esse texto! Vou dar RT hauahuahuah :D